CAMINHOS DA VIDA, tem como objetivo registrar alguns dos artigos escritos por AIDA LUZ — militante do Racionalismo Cristão, Filial Seixal, Portugal — que com sua perspicácia, disciplina, determinação e, principalmente, sua sensibilidade aflorada tem sabido utilizar-se da pena para escrever artigos com valorosos ensinamentos, incentivando e elevando todos aqueles que buscam o crescimento espiritual.

CARTA ABERTA DE MÃE PARA FILHA

A ti querida filha, traço estas breves linhas, que deverão ser para ti como um facho de intensa luz que ilumine teu caminho.

Quando ainda não tinhas aberto os olhos à luz da tua nova vida, nós, teu pai e eu, te esperávamos e desejávamos dando-te já todo o amparo, preparando-te o caminho, indiferente ao sexo que trouxesses.

Quiseste ser mulher e como tal chegaste, cresceste, e, eis-te agora numa nova fase, numa nova aurora - “A tua adolescência”.

Causar-te-à talvez estranheza as palavras que tua mãe te dirige quando todos te falam de mil alegrias, mil venturas, loucuras, risos, bonança.

Tudo é necessário na vida, realmente, porém tua mãe, que muito espera de ti, vai mais longe no seu ardente voto. Ela te deseja juizo e discernimento na tua longa e espinhosa etapa. Que no seu términus encontres grande e luminosa recepção.

Como mulher que és, na idade em que te encontras, tudo deve desabrochar em ti, seriedade, lealdade, franqueza, amizade para com teus semelhantes, atributos que deverão acompanhar tua juventude, madureza e velhice.

Por dever de sexo, esposa e mãe deverás ser. Escolhe pois o teu marido, o teu companheiro para toda a vida, elegendo-o entre todos os outros, por ser aquele a quem amas, aquele que merece o teu respeito, por reunir todas as qualidades com as quais te sintas realizada.

Não namores por desporto ou prazer, mas sim com a intenção de conheceres aquele a quem te vais unir e entregar tua vida e pessoa. . Põe de parte o interesse e a vaidade por serem maus conselheiros, mas une-te àquele por quem sintas afinidades, para que os vossos corações batam em uníssono como badaladas de um único relógio.

Procura ser esposa, amante e mãe ao mesmo tempo. “O homem é como uma criança que no colo da esposa deve encontrar o afago maternal.”

À sua família aceita-a como sendo a tua própria família: só dando poderás receber “Semeia para colheres mais tarde”.

A teus filhos dá-lhes o teu amor e a força do exemplo.

Assim procedendo, podes estar certa que, quando a derradeira hora chegar, estarás preparada e a acolherás com luminoso sorrir.

É essa a ventura que te desejo: "A TUA CORÔA DE GLÓRIA”.

Entretanto, se aquele que escolheres não corresponder ao teu verdadeiro amor e à forma de te comportares, traindo tua confiança e comportando-se de maneira indigna, não te arrependas da forma como te portaste, pois o erro não será teu.

Poderás e deverás chamá-lo à razão, tentando que ele se modifique, mas ele terá o seu livre arbítrio e se insistir no erro, nada poderás fazer.

Se, por essa razão e contrariamente ao que sempre ansiaste, um matrimónio relativamente feliz, durante toda a vossa vida física, surgir uma separação ou divórcio, não desesperes, pois, o que te deve preocupar, acima de tudo, é a tranquilidade da tua consciência.

Procura viver sempre honestamente, e, no caso de existirem filhos, luta para que eles sofram o menos possível e suas vidas não sejam demasiadamente afectadas.

Gostaria de te defender de todos os problemas que vierem a surgir, mas como isso não será possível, faço votos para que não saias muito machucada e se possível, um dia consigas refazer tua vida.

Com todo o amor de tua mãe.
Aida Almeida Lopes da Luz

Poderá gostar de conhecer:
Casas Racionalistas Cristãs espalhadas pelo mundo
Biblioteca digital do Racionalismo Cristão

Agua Fluídica - Como prepará-la em casa
A Limpeza Psíquica
Mr. Martin Luther King Jr.